segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

O LUTO É MUITO REAL

O luto descreve a reação à perda e inclui a resposta emocional e a nossa adaptação a essa perda. Às vezes, o pensamento, sentimento e comportamento são tão drasticamente afetados que a condição pode ser vista como uma doença, daí a razão por que o luto tem sido associada a doenças psiquiátricas e fisiológicas.

A tuberculose , colite ulcerativa, obesidade , artrite reumatóide, insuficiência cardíaca e até mesmo o câncer pode ser, em alguns casos, associados ao luto .

Mas o luto não se limita apenas à morte de um ente querido. A saida da " antiga casa de família " ou do "nosso país " , perda de bens , de dinheiro , do trabalho, da saúde, a morte de um animal de estimação , o casamento de um membro da família, às vezes, pode ser tão devastador como a morte. No divórcio , a dor pode ser ainda pior , porque não há a finalidade da morte .

As estatísticas provam que, no primeiro ano de luto, as viúvas e os viúvos têm uma taxa de morte dez vezes maior que a de um segmento semelhante da população que não passou pelo luto.

I miss you MOMMY
O jovem pode estar propenso a ataques de dor e de tristeza que as pessoas mais velhas não podem experimentar em situações semelhantes. O conselho simplista dado quando um romance é quebrado, dizendo ao jovem " há muitos mais peixes no mar ", revela ignorância da tristeza e da dor que os jovens nessa situação podem experimentar.

Há muitas outras circunstâncias não listados acima, que podem causar tristeza e dor na vida das pessoas.

As pessoas podem ter falado muito sobre o seu luto e, supostamente, terem enfrentado os fatos. Eles podem ter lamentado e chorado por muitos meses e às vezes anos. No entanto, muitas vezes, permanecem escondidos nas profundezas da alma, sentimentos associados ao luto, que nunca foram expressados . E, em alguns casos, o estado emocional nunca vai voltar ao que era antes.

Love, Zara
O luto é uma coisa muito real. A palavra significa "dor ", " tristeza" ou " ferida ". O luto quebra uma vida em pedaços, abala uma pessoa de cima para baixo .

Aqueles que se lamentam sobre a morte são chamados de "enlutados ".  Uma pessoa "enlutada " é, literalmente, aquela pessoa que é quebrada por uma experiência pessoal muita intensa.

Costumamos falar de luto, de tristeza e dor e alguns de nós já passaram por isso a um nível muito profundo . Somos capazes de lidar com isso? Somos capazes de ajudar os outros que sofrem? Sabemos o que dizer, como agir?

Não podemos enfrentar o luto, a tristeza e a dor sozinhos. Precisamos da ajuda de amigos, familiares e conselheiros , mas precisamos também da ajuda de Deus para receber a força que só ELE pode dar, para termos capacidade para enfrentar essas experiências.

Infelizmente, todos nós vamos enfrentar o luto e a dor em algum momento de nossas vidas, mas com a ajuda de amigos e dos familiares e também de Deus, pela leitura da Bíblia, a oração e indo a uma Igreja, não iremos lamentar sem esperança, porque no meio da intensa tristeza , desespero, dor e solidão , iremos sentir a realidade da presença de Cristo.

Este post foi feito com a ajuda do meu post The Reality of Grief do meu Blog em Inglês, inspirado pelo folheto " CHRISTIANS GRIEVE TOO " BY Donald Howard

Sem comentários: